O que é a Respiração Ovárica – Alquimia Feminina® (ROAF)?
  • Recuperar a conexão com a sabedoria do corpo, emoção e intuição;

  • Desenvolver recursos pessoais que favoreçam o processo de cura da praticante;

  • Libertar bloqueios físicos, mentais e emocionais, e abrir-nos à energia sexual criativa, que habita em cada uma de nós;

  • Resignificar o nosso corpo, sexualidade, sensualidade e fertilidade, estimulando o contacto connosco mesmas;

  • Desenvolver uma melhor autoestima, equilíbrio emocional e confiança;

  • Atuar em patologias específicas como problemas menstruais, fertilidade, desarmonias orgânicas femininas e cancro.

Os ovários, o útero e os seios são a parte da anatomia feminina com maior potencial energético. É aí que se encontra a semente de vida.

A técnica de Respiração Ovárica – Alquimia Feminina® reúne diferentes sequências que nos ajudam a contactar com esta energia e aprender a utilizá-la em prol da nossa própria cura.

É um processo de sensibilização, consciência, limpeza e purificação energética.

A maior parte da técnica está dirigida a levar a mulher a tomar consciência de sua força infinita, já que a mulher é a fonte criativa do universo, é o grande útero criador, onde tudo o que é semeado, floresce. É essa energia proveniente dos nossos ovários e dos nossos óvulos que gera e que sustenta a vida. Os ovários criam, o útero sustenta, e a vagina pare.

Durante a prática de Respiração Ovárica – Alquimia Feminina® aprendem-se diversas técnicas tântricas e taoistas para poder alquimizar e romper capas mentais, emocionais e físicas, que nos afastam do Ser.

São técnicas alquímicas que aportam ferramentas de trabalho pessoal, as quais podemos desprender os distintos paradigmas da mente, e assim poder modificar o nosso campo emocional e curar o nosso corpo, um templo sagrado.

É planetariamente urgente que a mulher cure o seu útero, alinhe-se com a sua feminilidade, integre a sua masculinidade e resignifique a sua sexualidade. 

 

O método ROAF® está indicado nas seguintes situações:

 - resgatar o "eu - mulher";

 - necessidade de empoderar-se;

 - estimular o amor próprio;

 - aumentar a autoestima;

 - despertar e fomentar a sensualidade;

 - alterações do ciclo menstrual;

 - alterações hormonais e endócrinas;

 - infertilidade;

 - quistos nos ovários;

 - síndrome do ovário poliquístico;

 - miomas;

 - endometriose;

 - histerectomia;

 - frigidez e vaginismo;

 - abortos sucessivos;

 - cancro dos ovários, útero e mamas;

 - conceção e geração consciente de um filho (planeamento consciente de uma gravidez).

A criadora

Sajeeva Hurtado é colombiana, graduada em medicina tradicional chinesa e especialista em patologias femininas (china e vietnam). Desenvolveu esta técnica fundindo diferentes disciplinas como o tao, o tantra, o xamanismo, a medicina tradicional chinesa, o yoga, a psicologia gestálgica, a arteterapia e o coach oncológico. Mais de 10000 mulheres ao redor do mundo trataram problemas de saúde, como quistos nos ovários e nas mamas, problemas de depressão, feridas emocionais, baixa autoestima, problemas de fertilidade, entre outros.

A co-criadora

Flor Correia foi a primeira mulher portuguesa a realizar esta formação e a trazê-la para Portugal. A este maravilhoso método, junta o seu sopro de vida enquanto ser e enquanto profissional de saúde, adicionando exercícios de consciencialização pélvica, de reconhecimento do pavimento pélvico e do períneo, e da mobilização da energia vital para a cura interna, alquimizando processos internos, curando-os, resgatando o eu-essência, o eu-mulher, o eu-amor, recuperando o poder pessoal, o empoderamento e a fertilidade (física e energética).